Cursos Livres ATUAÇÃO DO DELEGADO DE POLÍCIA – TEORIA E PRÁTICA


Apresentação

A Polícia Civil do Estado, para o desempenho das atribuições que lhe foram constitucionalmente cominadas, ressente de um trabalho atualizado que reunisse algumas das atividades referentes ao exercício de polícia judiciária, por meio do Inquérito Policial ou em procedimentos conexos.
O trabalho a ser mostrado, é fruto de anos atuando como Delegado de Polícia e professor universitário e de cursos preparatórios, ao apelo de centenas e dedicados estudantes que, diuturnamente se empenham em conhecer a carreira, sendo mostrado de outra forma, não presentes em manuais e faculdades de Direito.
É sabido que o Inquérito Policial e as investigações criminais são atividades estritamente coligadas. O Delegado de Polícia é o presidente para conduzir as investigações, aplicando a lei, utilizando de um raciocínio lógico, ética, social e jurídica para o melhor resultado possível.
Relevante mencionar que o Inquérito Policial, em seu valor indiciário, deve buscar a perfeição, consistindo num procedimento imparcial que reproduza com fidelidade ao Poder Judiciário, a realidade fática do ato investigado, evidenciando a culpabilidade do suspeito, quanto para eximi-lo de uma acusação injusta.
Por tudo explanado, a relevância desse trabalho, sem pretender exaurir ou padronizar atividades, mas sim fornecer um material diversificado e de fácil acesso a todos.
Aliando as teorias de como é ensinado em aulas e manuais, mas também colocando em prática e suas elaborações.

Objetivos

Gerais:
Proporcionar possibilidades de conhecimento e desenvolvimento profissional na seara da investigação, informando e esclarecendo como é conduzida a elucidação dos crimes de todas as formas possíveis.

Específicos:
Promover o estudo e a discussão de forma teórica de todas as peças policiais, explicando passo a passo.

Público Alvo

Profissionais de todas as áreas, Graduados e graduandos.

Programa

1. Início de Inquérito Policial, por meio de portaria, requerimentos, representações e requisições
2. Do auto de prisão em flagrante, bem como auto de apreensão do ECA
3. Termo Circunstanciado da Lei 9099/95
4. Da prisão temporária. Lei 7960/89
5. Da prisão preventiva do código de processo penal
6. Mandado de busca e apreensão e a condução coercitiva

Condições de pagamento

R$ 158,00 a vista no boleto bancário
ou em 2x no cartão de crédito.
Início: 21/11/2017